NOTÍCIAS  
   
 
 
 

Produtores rurais de Mendes e Engenheiro Paulo de Frontin participam de reunião de esclarecimento do PAF


Foto: Gabriela Teixeira

Produtores de Paulo de Frontin lotaram a biblioteca municipal para conhecer o projeto


07-05-2019

Foi realizado na última sexta-feira, 03, pelo Comitê Guandu-RJ, ONG Crescente Fértil e as prefeituras participantes, o encontro sobre o Programa Produtores de Água e Floresta (PAF), em Mendes na sede da Assistência Social no Centro, e em Paulo de Frontin na Biblioteca Municipal, também no Centro da cidade. O objetivo foi esclarecer as dúvidas dos produtores rurais que tem interesse em participar do programa, que prevê recuperação e conservação ambiental, e o pagamento por serviços ambientais.

Na oportunidade, os interessados puderam conhecer mais um pouco do programa que já resultou na conservação de mais de quatro mil hectares de floresta nativa e na restauração de mais de quinhentos hectares de áreas desmatadas, além de distribuir 358 mil reis por ano em pagamento por serviços ambientais. Realizado desde 2008 pelo Comitê Guandu-RJ, a nova fase do projeto, que conta com execução da ONG Crescente Fértil, visa a conservação de mil hectares de floresta nativa e a restauração de cinquenta hectares de áreas desmatadas, na região da sub-bacia do Rio Sacra Família, que além desses municípios, abrange também Vassouras/RJ. “A mobilização inicial é de fundamental importância para informar, sanar dúvidas e ampliar o alcance do projeto, garantindo oportunidade de participação a todos os potenciais interessados na proteção e na recuperação de florestas. A mobilização também ajuda a difundir conceitos fundamentais da proposta, como a relação entre floresta e água e o significado de serviços ambientais”, explicou Luis Felipe César, Diretor Executivo da Crescente Fértil.

Os produtores selecionados receberão orientações e medidas de proteção e restauração executadas gratuitamente pelos especialistas do projeto, além do pagamento por serviços ambientais, que são retribuições financeiras ou em benfeitorias pelos serviços ambientais fornecidos. O objetivo é proporcionar a manutenção e a melhoria da qualidade e da disponibilidade de água na bacia hidrográfica do Guandu-RJ, responsável pelo abastecimento de maior parte do Rio de Janeiro e região metropolitana. Para isso, os produtores interessados puderam aproximar dos responsáveis pelo projeto e sanar qualquer tipo de dúvida, como explicou Luis Felipe: “as dúvidas mais comuns até o momento são relacionadas à localização exata da área do projeto, questões da documentação no caso de propriedades em condomínio e a compatibilidade da metodologia de restauração com a produção orgânica certificada. Neste sentido, além de haver compatibilidade, é muito positivo constatar a preocupação dos produtores”.

Para se cadastrar no PAF, os proprietários rurais devem procurar a Secretaria de Meio Ambiente do seu município. Os formulários de inscrição estão disponíveis no site do Comitê Guandu-RJ e das prefeituras participantes. As inscrições vão até o dia 17 de maio em Vassouras e 20 de maio em Mendes e Paulo de Frontin. Informações pelos telefones 24-2465 4796 (Mendes), 24-2463 1233 (Paulo de Frontin) e 24-2491-9000, ou no site do Comitê Guandu-RJ, que tem o link para as inscrições e edital.

COMUNICAÇÃO COMITÊ GUANDU
Telefone: (21) 3787 3729
E mail: comunicacao.guandu@agevap.org.br

 
   
     
  Outras notícias  
     
 
     
  Mais Notícias »  
     
 
Atendimento ao Público / Correspondências
Avenida Ministro Fernando Costa, 775 (sala 203)
Fazenda Caxias - Seropédica/RJ - CEP 23895-265
(Altos da Farmácia Universitária)
APA Guandu / CAR / Reuniões do Comitê
Rodovia BR 465, km 7 (Campus da UFRRJ)
Prédio da Prefeitura Universitária
Seropédica/RJ - CEP 23897-000
   
Tel: (21) 3787 3729
E-mail:guandu@agevap.org.br
       
Facebook Twitter