NOTÍCIAS  
   
 
 
 

Plenária do Comitê Guandu-RJ divulga Oficinas do Plano de Bacia


Foto:


22-05-2017

O Comitê Guandu-RJ realizou em 18 de maio a segunda reunião da Plenária de 2017, no auditório do Instituto de Biologia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Durante o evento, foram recebidas apresentações sobre o projeto Tócos II e a divulgação das Oficinas de Diagnóstico do Plano de Bacia.

Um dos destaques foi a homologação das inscrições para ocupação de vacâncias na composição da Plenária para o biênio atual (2017-2018). O diretor geral Julio Cesar O. Antunes deu as boas-vindas aos representantes das prefeituras de Seropédica, Mendes e Mangaratiba; e ao Instituto 5º Elemento, da Sociedade Civil.

“Estimulamos a participação de todos no comitê de bacia. Sempre que recebemos novas manifestações de interesse, analisamos a melhor forma de incluir as instituições. Pedimos que busquem se inteirar das discussões e colocamos a Secretaria Executiva à disposição”, destacou o diretor.

A ocasião também serviu para divulgar novamente a realização das Oficinas de Diagnóstico do Plano de Bacia. O diretor executivo do Comitê, Decio Tubbs,  enfatizou a participação dos atores locais.

“Pedimos auxílio a todos que puderem estimular a participação de quem tenha aptidão técnica ou conhecimento da região, pois este é o momento de sugerir para o Plano ações factíveis, que estejam ligadas aos municípios e à sociedade”, comentou Tubbs.

A empresa Sea Projects apresentou os resultados de 2016 do projeto de Monitoramento da Qualidade da Água do Rio Piraí à montante do Túnel de Tócos, apelidado de Tócos II. A intenção do projeto é gerar uma base de dados que possa subsidiar ações e projetos na região. As análises envolveram parâmetros como nível de turbidez, presença de carga orgânica, nitrogênio, cafeína, entre outros.

“Durante o trabalho realizado em 2016, pudemos destacar que a água pode ser considerada de boa qualidade, embora alguns pontos apresentem fatores que podem comprometer essa qualidade. Muitas das variações que chamaram nossa atenção se devem aos períodos de muita chuva em março do ano passado”, relatou o engenheiro Rodrigo Mazza, da Sea Projetcs.

FUNDRHI

Julio Cesar O. Antunes também trouxe informações sobre o processo de repasses do Fundo Estadual de Recursos Hídricos para o funcionamento dos comitês de bacia e o desenvolvimento de projetos. De acordo com o diretor geral, a proposta é que a arrecadação atual seja repassada às delegatárias, e o montante atrasado seja regularizado em pagamentos parcelados. 

 
   
     
  Outras notícias  
     
 
     
  Mais Notícias »  
     
 
Atendimento ao Público / Correspondências
Avenida Ministro Fernando Costa, 775 (sala 203)
Fazenda Caxias - Seropédica/RJ - CEP 23895-265
(Altos da Farmácia Universitária)
APA Guandu / CAR / Reuniões do Comitê
Rodovia BR 465, km 7 (Campus da UFRRJ)
Prédio da Prefeitura Universitária
Seropédica/RJ - CEP 23897-000
   
Tel: (21) 3787 3729
E-mail:guandu@agevap.org.br
       
Facebook Twitter